Marcado: education system

A crença do ‘Homeschooling’

por Marina Neto

Logan Laplante é um menino de 13 anos de idade, que foi levado para fora do sistema de ensino tradicional a ser ensinado em casa de uma vez por todas. Ele não só foi educado em casa, mas também teve a capacidade de adaptar o ensino aos seus interesses e também seu estilo de aprendizagem, algo que a educação tradicional não oferece. Como Logan mencionou no vídeo abaixo, quando crescer, ele quer ser feliz e saudável.

            Em uma conversa no canal de palestras online em 2013 – TED Talk – ele discutiu como foi que ‘hackear’ sua educação vem ajudando-o a alcançar o objetivo de ser uma criança feliz e diferenciada.

 Educação e Ensino doméstico

A educação é muitas vezes considerada a base para a criação de uma sociedade hierarquizada e produtiva, mas essa crença geralmente decorre a certeza de que aqueles que saem do sistema de ensino são capazes de manter as engrenagens da sociedade do avesso, a fim de manter as margens de lucro das grandes empresas com um sistema que requer constante crescimento. Em vez de ter criatividade e pessoas com pensamentos mais libertários, o estilo atual da educação cria mais indivíduos submissos, obedientes e treinados para que o sistema atual se mantenha equilibrado e controlado.

Isso significa que a educação padrão é menos focada em cada indivíduo e seu crescimento é mais na criação de um fornecimento de abelhas operárias que seguem um caminho premeditado e dentro dos limites do sistema. O ilustre escritor e Professor Ken Robinson apresentou o tema em questão em um TED Talk em 2006, onde ele discutiu suas crenças sobre como a educação ‘mata’ a criatividade.

Esta palestra do TED é uma das palestras mais vistas de todos os tempos e tem inspirado muitos a repensar a forma como estamos educando a próxima geração. Como a educação tradicional ainda está tomando seu tempo com muitos ajustes e qualificações, muitos estão se voltando para a educação doméstica como uma solução disciplinar, pois permite que as crianças explorem a educação da forma mais acessível e independente, muito parecido com que o jovem Logan fez.

Atualmente, cerca de 3,8% de crianças com idades entre 5-17 são educados em casa nos EUA. No Canadá, este número caiu para cerca de 1%. É uma estatística que irá crescer em ambos os países em razão das limitações do nosso sistema de ensino atual. Além disso, estudos feitos nos EUA e Canadá mostram que educação feita em casa, as crianças conseguem realizar atividades e empreendimentos educacionais assim como nas escolas públicas e privadas.

 Acredito que vamos ficar bem se deixarmos o sistema de ensino atual para trás e escolher outros métodos. Isso não quer dizer que educação doméstica é comumente vista como um processo bastante funcional, mas realmente acredito em uma drástica mudança, e quero dizer drástica mudança na forma como as funções do sistema de educação precisam acontecer, e logo.

Em minha mísera opinião, ter educação em casa é muito mais propenso a criar uma pessoa criativa, adaptável e com uma visão de futuro maior do que a pessoa que está na escola e condicionada a pensar apenas dentro dos pequenos limites de um sistema de desintegração escolar e fundamentado.

The Daily Beast – The Sinister Side of Homeschooling

Anúncios